DSpace logo

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorioinstitucional.uea.edu.br//handle/riuea/867
Título: O risco emocional na performance: a construção do espetáculo performativo Se Valoriza Gay
Título(s) alternativo(s): The emotional risk in performance: the construction of the performative spectacle Values Gay
Autor(es): Barboza Júnior, Francisco de Paulo
Palavras-chave: Homofobia
Ideologia
Sociedade
Data do documento: 23-Mar-2018
Editor: Universidade do Estado do Amazonas
Resumo: As a teenager I remember being in 6th grade fundamentally, watching history class with eyes painted black. Suddenly I find myself being confronted by the teacher of the discipline, that in his homophobic speech he affirmed that "In the time of the Egyptians to paint the eyes of black were fashion, nowadays it was fagot. " This same boy in high school went to the board by walking hand in hand with another boy in the corridors of the school, it is worth remembering the various warning that he took to shout his ideologies to the four winds. Of several shades of hair, nails painted black enamel and its teenage rebellion. Francisco de Paulo Barbosa Junior was that boy strange that he felt excluded in the school environment, that at 17 years of age found amparo in the theater
Descrição: Quando adolescente recordo-me de estar na 6ª série do ensino fundamental, assistindo a aula de história com os olhos pintados de preto. De repente me encontro sendo confrontado pela professora da disciplina, que na sua fala homofóbica afirmava que “No tempo dos egípcios pintar os olhos de preto era moda, hoje em dia era coisa de viado”. Esse mesmo garoto no ensino médio foi parar na diretoria por andar de mãos dadas com outro rapaz pelos corredores da escola, vale lembrar os vários termos de advertência que ele levou por gritar as suas ideologias aos quatros ventos. De várias tonalidades de cabelo, unhas pintadas de esmalte preto e sua rebeldia adolescente. Francisco de Paulo Barbosa Junior era aquele garoto estranho que se sentia excluído no âmbito escolar, que aos 17 anos de idade encontrou amparo no teatro.
URI: http://repositorioinstitucional.uea.edu.br/handle/riuea/867
Aparece nas coleções:Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
O risco emocional na performance a construção do espetáculo performativo Se Valoriza Gay.pdf2,74 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons