DSpace logo

Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorioinstitucional.uea.edu.br//handle/riuea/759
Título: Fatores culturais associados a não adesão aos exames preventivos de Câncer de Próstata em Parintins
Título(s) alternativo(s): Cultural factors associated with non-adherence to the preventive examinations of Prostate Cancer in Parintins
Autor(es): Silva, José Silveira da
Palavras-chave: câncer de próstata
fatores culturais
saúde do homem
Data do documento: 14-Dez-2017
Editor: Universidade do Estado do Amazonas
Resumo: This is an exploratory, descriptive study of a qualitative approach that aimed to investigate the relationship between the cultural factor and non-adherence to preventive prostate cancer tests. The study was carried out in 5 basic health units of the city of Parintins - Amazonas, from December 2016 to February 2017. The target population was men, in the age group of 40 to 90 years and nurses, constituting 16 interviewees. The data were collected from an interview script, and the results were analyzed and discussed according to the thematic content analysis, according to Birdin's perspective. It is concluded that cultural factors are present in our social environment, such as prejudice, shame, machismo and fear, functioning as barriers to non-adherence to prostate cancer preventive exams, necessitating educational actions aimed at changing this reality.
Descrição: Trata-se de um estudo exploratório, descritivo, de abordagem qualitativa, que objetivou investigar a relação do fator cultural com a não adesão aos exames preventivos de câncer de próstata. O estudo ocorreu em 5 unidades básicas de saúde na cidade de Parintins - Amazonas, no período de Dezembro de 2016 a Fevereiro de 2017. A população alvo foram homens, na faixa etária de 40 a 90 anos e enfermeiros, constituindo 16 entrevistados. Os dados foram coletados a partir de um roteiro de entrevista, sendo os resultados analisados e discutidos de acordo com a análise temática de conteúdo, segundo a perspectiva de Birdin. Conclui-se que os fatores culturais estão presentes em nosso meio social, tais como preconceito, vergonha, machismo e medo, funcionando como barreiras a não adesão aos exames preventivos de câncer de próstata, necessitando de ações educativas com objetivo de mudar essa realidade vivenciada.
URI: http://repositorioinstitucional.uea.edu.br/handle/riuea/759
Aparece nas coleções:Trabalhos de Conclusão de Curso de Graduação

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Fatores culturais associados a não adesão aos exames preventivos de Câncer de Próstata em Parintins.pdf1,36 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciada sob uma Licença Creative Commons Creative Commons