DSpace logo

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorioinstitucional.uea.edu.br//handle/riuea/3969
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorSilva, Hérika Cardoso da-
dc.date.available2022-05-31-
dc.date.available2022-06-07T16:46:52Z-
dc.date.issued2021-03-30-
dc.identifier.citationSILVA, Hérika Cardoso da. Democracia e cidadania: abordagem crítica sobre a atuação das escolas do legislativo no município de Manaus-AM. 2021. Dissertação (Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas, PPGICH). Universidade do Estado do Amazonas, Manaus, 2021.pt_BR
dc.identifier.urihttp://repositorioinstitucional.uea.edu.br//handle/riuea/3969-
dc.description.abstractDemocracy and citizenship is a subject that requires a path of interdisciplinary reflections capable of promoting a critical analysis of society at different historical moments and on different points of view in the light of theories that combine such as: sociology, philosophy, social psychology, psychoanalysis society, contemporary social phenomena, reflection on history and civilization. The study is inserted in the theme of Democracy and Citizenship: a critical approach to the performance of the ALEAM and CMM schools in Manaus-AM. The justification came due to the on-site visit of the researcher in the Internship Visit Program (EV) offered by the legislature school of the Chamber of Federal Deputies (CDF) in 2016, which aroused interest in the topic. The research problem questions the priority of schools in legislatures in youth protagonism actions aimed at students in basic education to the detriment of higher education. The hypothesis referred to the deduction of resistance to insert the participation of university students in the existing educational program. Thus, the general objective was to analyze the effectiveness of democracy and citizenship in the performance of ALEAM and CMM legislative schools, in the city of Manaus-AM. The specific objectives: to identify the effectiveness of democracy and citizenship in the performance of the legislative schools of ALEAM and CMM, Manaus-AM; investigate the student's interest (ESO and PPGICH-ESAT) in participating in activities in legislative schools (ALEAM and CMM); to compare the actions (youth protagonism) promoted by the schools of the legislature (ALEAM and CMM) vis-à-vis the schools of the legislatures of Brazilian assemblies and chambers from other regions between the years 2016 to 2019. The methodological procedure of the study is of a quantitative and qualitative nature, with methods of indirect, descriptive, comparative and critical approach based on bibliographic and documentary surveys (based on legislation, institutional norms). The results show the dilemmas to be faced in the democratization of public spaces and in the full exercise of citizenship that does not happen on the margins of education. This, in turn, has been one of the tools of legislative schools as they include educational programs called the “Citizen Education Program” that enable learning experiences related to democracy, politics, ethics and citizenship. Considerations: the research contributed to the understanding of Amazonian society about the performance of Legislative schools in Brazil, especially schools in the city of Manaus, whose effectiveness of democracy and citizenship can be considered one of the many dilemmas to be faced in the democratization of public spaces and in the full exercise of citizenship, since the social relationship intended by schools of the Legislative in terms of approximation with society still suffers from effective popular participation.pt_BR
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (FAPEAM)pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade do Estado do Amazonaspt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.subjectDemocraciapt_BR
dc.subjectCidadaniapt_BR
dc.subjectParticipaçãopt_BR
dc.subjectProtagonismo Juvenilpt_BR
dc.subjectParlamento Jovempt_BR
dc.subjectDemocracypt_BR
dc.subjectCitizenshippt_BR
dc.subjectParticipationpt_BR
dc.subjectYouth protagonismpt_BR
dc.subjectYoung Parliamentpt_BR
dc.titleDemocracia e cidadania: abordagem crítica sobre a atuação das escolas do legislativo no município de Manaus-AMpt_BR
dc.title.alternativeDemocracy and citizenship: a critical approach to the performance of legislative schools in the city of Manaus-AMpt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.date.accessioned2022-06-07T16:46:52Z-
dc.contributor.advisor1Silva, Gimima Beatriz Melo da-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2039509924738052pt_BR
dc.contributor.referee1Silva, Gimima Beatriz Melo da-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2039509924738052pt_BR
dc.contributor.referee2Lopes, João Miguel Trancoso Vaz Teixeira-
dc.contributor.referee3Pinto, Ernesto Renan Melo de Freitas-
dc.contributor.referee3Latteshttp://lattes.cnpq.br/1561539000379760pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/5371623148532143pt_BR
dc.description.resumoA democracia e cidadania é um assunto que exige um percurso de reflexões interdisciplinares capazes de promover uma análise crítica da sociedade em diferentes momentos históricos e sobre diversos pontos de vistas à luz de teorias que se combinam tais como: sociologia, filosofia, psicologia social, psicanálise da sociedade, dos fenômenos sociais contemporâneos, reflexão sobre história e civilização. O estudo está inserido no tema da Democracia e Cidadania: abordagem crítica da atuação das escolas dos legislativos ALEAM e CMM em Manaus-AM. A justificativa veio por conta da visita in locus da pesquisadora no Programa Estágio Visita (EV) oferecido pela escola do Legislativo da Câmara dos Deputados Federais (CDF) no ano de 2016 que despertou o interesse pelo tema. O problema da pesquisa questiona a prioridade das escolas do Legislativo Amazonense nas ações de protagonismo juvenil voltadas para os alunos do ensino básico em detrimento ao ensino superior. A hipótese remeteu à dedução da resistência em inserir a participação dos universitários no programa educacional já existente acerca de dez anos. Deste modo o objetivo geral foi analisar a efetividade da democracia e cidadania na atuação das escolas do Legislativo da ALEAM e CMM, no município de Manaus-AM. Os objetivos específicos: identificar a efetividade da democracia e cidadania na atuação das escolas do Legislativo da ALEAM e da CMM, Manaus-AM; investigar o interesse do discente (ESO e PPGICH-ESAT) em participar de atividades nas escolas legislativas (ALEAM e CMM); comparar as ações (protagonismo juvenil) promovidas pelas escolas do legislativo (ALEAM e CMM) frente às escolas dos legislativos das Assembleias e Câmaras Municipais brasileiras de outras regiões entre os anos de 2016 a 2019. O procedimento metodológico do estudo é de natureza quantitativa e qualitativa, com métodos de observação indireta, descritivo, comparativo e abordagem crítica pautados em levantamentos bibliográficos, documentais (balizados nas legislações, normativas institucionais). Os resultados evidenciam os dilemas a serem enfrentados na democratização dos espaços públicos e no exercício pleno da cidadania que não acontece à margem da educação. Essa por sua vez tem sido uma das ferramentas das escolas do Legislativo ao comportarem programas educacionais denominado do “Programa de Educação Cidadã” que possibilitam experiências de aprendizagem relacionadas à democracia, politica, ética e à cidadania. Considerações: a pesquisa contribuiu para o entendimento da sociedade amazonense acerca da atuação das escolas do Legislativo no Brasil em especial das escolas do município de Manaus cuja efetividade da democracia e cidadania pode ser considerada um dos tantos dilemas a serem enfrentados na democratização dos espaços públicos e no exercício pleno da cidadania, uma vez que a relação social pretendida pelas escolas do Legislativo no viés de aproximação junto à sociedade ainda padece da efetiva participação popular.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas - PPGICHpt_BR
dc.relation.referencesABNT. Associação Brasileira de Normas Técnicas. NBR 6022 e 6023. 2019. Informação e documentação, referências e elaboração: Artigo em publicação periódica técnica e/ou científica e apresentação. ICS 01.140.40 - ISBN 978-85-07-07520-2. ABEL. Associação Brasileira das Escolas do Legislativo. Cartas do XXXIII e XXXIV. Encontros da ABEL realizados em Salvador - BA e Campo Grande - MS. 2019. ABEL. Associação Brasileira das Escolas do Legislativo. Cartas do XXXI e XXXII. Encontros da ABEL realizados em Gramado - RS e Curitiba - PR. 2018. ADORNO, Theodor. HORKHEIMER, Max. Dialética do esclarecimento. Fragmentos Filosóficos. Nova Edição Alemã, p. 40. 1947. ALEAM (Amazonas), Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas, 2020. Site Institucional: missão e visão organizacional. Poder Legislativo. Disponível em: http://www.ale.am.gov.br/escola-do-legislativounialeam/institucional/. Manaus, AM. 2020. Acesso em 23 de fev. de 2020. ALEAM (Amazonas), Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas. Amazonas inicia Parlamento Jovem. Parlamento Jovem Amazonense. Disponível em: https://unale.org.br/amazonas-inicia-parlamento-jovem/. Acesso em 23 de fev. de 2020. ALESC (São Paulo). Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. Parlamento Jovem. Disponível em: https://www.al.sp.gov.br/transparencia/participe/parlamento-jovem. Acesso em 20 de fev. de 2020. ALEP (Paraná), Assembleia Legislativa do Estado do Paraná. Balanço de atividades (2019). Disponível em: https://www.assembleia.pr.leg.br/escoladolegislativo/parlamento-universitario. Acesso em 23 de fev. de 2020. AMAZÔNICO (2020), Fato. Portal de notícias. Escola do Legislativo José Lindoso atendeu mais de 10 mil pessoas em 2019. Disponível em: https://www.fatoamazonico.com.br/escola-do-legislativo-jose-lindoso-atendeu-mais-de-10-mil-pessoas-em-2019/. Acesso em: 18 de fev. de 2020. ANA, Wallace Pereira Sant, LEMOS, Glen Cézar Lemos. Metodologia científica: a pesquisa qualitativa nas visões de Lüdke e André. Revista Eletrônica Científica Ensino Interdisciplinar. Mossoró, vol. 4, nº 12, p, 540. 2018. ARISTÓTELES, Polítics. Book IV. Part III. Batoche Books. Kitchener, 1999. Translateby Benjamin Jowett, p. 22, 23 e 84. 1999. ARISTÓTELES. A Constituição de Atenas. Editora Casa Mandarino.Tradução de A.S. Costa, p. 21. 1995. ARENDT, Hannah. Entre o passado e o futuro. São Paulo: Perspectiva, p. 12. 2000. ARENDT, Hannah. A condição humana. Rio de Janeiro. Forense Universitária, p. 35, 62 e 261. 2009. ARRUDA, Maria Arminda do Nascimento. Centenário de nascimento de Florestan Fernandes (1920-1995). A aventura sociológica de Florestan Fernandes. Estudos avançados, vol.34, nº100, São Paulo, p. 3. 2020. ISSN 1806-9592. AMAZONAS (Estado). Edital 001/2017. Seleção para curso de Especialização em Direito Público com a UEA e ALEAM, p. 1. 2017. AMAZONAS (Estado). Edital 112/2019. Seleção para curso de Especialização MBA em Gestão de Negócios, p. 1-3. 2019. AMAZONAS (Estado). Poder Legislativo. Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas. Resolução legislativa nº 375/2005 de 29/09/2005. Dispõe sobre a criação, no âmbito da Assembleia Legislativa, do “Programa da Cidadania” compreendendo a “Instituição do Parlamento Jovem Amazonense” e dá outras providências. AMAZONAS (Estado). Poder Legislativo. Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas. Resolução legislativa nº 375/2005 de 29/09/2005. Artigo 2º. Dispõe sobre O Parlamento Jovem Amazonense tem por finalidade possibilitar aos alunos das redes escolares públicas e privadas a vivência do processo democrático mediante a participação em uma jornada Parlamentar na Assembleia Legislativa com diplomação e exercício do mandato. AMAZONAS (Estado). Resolução Legislativa Nº 379/2005 de 13/12/2005. Art. 1º(inciso XXVIII). Dispõe sobre a estrutura orgânico-funcional da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas e dá outras providências. Poder Legislativo. AMAZONAS (Estado). Resolução Legislativa Nº 429/2007 de 14/12/2007. Art. 1º. Instituída pelo art. 1º, XXVIII, da Resolução Legislativa n° 379/2005, passa a denominar-se Escola do Legislativo Senador José Lindoso. AVRITZER, Leonardo. O pêndulo da democracia no Brasil: Uma análise da crise 2013-2018. Novos estudos CEBRAP, vol. 37, nº. 2, p. 278-279. 2018. BARBOSA, Manuel Gonçalves. Educação e Democracia: do risco de desarticulação a uma recomposição crítica. Caderno de Pesquisas, São Paulo, vol. 50, nº 177, p. 767. 2020 BARDIN, Laurence. L'analyse de contenu, p. 95.1997. BARRERA, Hernán Neira. Cidadania conceitos fundamentais. In. Ciudadanía sem conflicto: Enfoques, experiencias y propuestas. Ariadna Edición, p. 48-50. 2018. ISBN: 978-956-8416-59-1. DOI: 10.26448/978-956-8416-59-1/11 BAPTISTA, Conrado Luciano. A democracia ateniense clássica. Revista Filosofia Capital-ISSN 1982-6613, vol. 9, nº. 16, p.7, 10 e 14. 2014. BAUMAN, Zygmunt. Modernidade Líquida. Rio de Janeiro: J. Zahar, p. 5. 2001. BERNARDO, Jadson da Silva. O Fim “Melancólico” da “República do Café com Leite” (1922-1930). Das Amazônias, Revista Discente de História da UFAC. Dossiê: república brasileira e autoritarismo. Rio Branco, Acre, vol. 2, no. 1, p.19. 2019. ISSN 2674-5968. BERTOLINO, ANA MARIA. Os intelectuais na Era Vargas: percursos de pesquisa. XXIX Simpósio Nacional de História. Brasília, p. 4-6 e 8. 2017. BEZERRA, Tássio Tulio Braz; BRAGA, Rômulo Rhemo Palito. Os fundamentos teóricos da medicação de conflitos: um diálogo com o positivismo jurídico de Hans Kelsen. In: MENDONÇA, Maria Lírida Calou de Ararújo; BARONE, Hugo (Coords.). Formas consensuais de solução de conflitos II. Florianópolis/SC: CONPEDI, p.4. 2016. BITENCOURT, Marcirio Colle. A ciberdemocracia como forma de incentivar a inclusão popular e a sua influência no cenário político eleitoral no século XXI, p. 70. 2020. BOBBIO, Norberto. O futuro da democracia: uma defesa das regras do jogo. Rio de Janeiro: Paz e Terra, p. 6 e 155. 1986. BOBBIO, Norberto. O futuro da democracia; uma defesa das regras do jogo. Tradução de Marco Aurélio Nogueira. Pensamento crítico, 63. Tradução de: Il futuro delia democrazia. Una difesa de lleregole deigioco. Rio de Janeiro: Paz e Terra, p. 9 e 11. 1997. CDD 321 - CDU 321.7. BUARQUE, Cristovam. Na fronteira do futuro (O projeto UnB) In: VAHL, Theodoro Rogério (Org.). Desafios da administração universitária. Editora UFSC: Florianópolis, p. 330. 1989. BRASIL. Câmara dos Deputados (2020). Direitas já: rejeição da Emenda Dante de Oliveira marca a história do País. Rádio Câmara reportagem especial 2020. Disponível em: https://www.camara.leg.br/radio/programas/431737-direitas-ja-rejeicao-da-emenda-dante-de-oliveira-marca-a-historia-do-pais/. Acesso em: 25 de nov. de 2020. BRASIL. Câmara dos Deputados (1834). Lei nº 16, de 12 de agosto de 1834. Alterações e adições à Constituição Política do Império, nos termos da Lei de 12 de outubro de 1832. Art 10, II Competência Legislativa– Instrução Pública. Coleção de Leis do Império do Brasil - 1834, p. 15, vol. 1 (Publicação Original). BRASIL. Câmara dos Deputados (1988). Regimento Interno da Assembleia Nacional Constituinte. República Federativa do Brasil. Brasília-DF. Resolução nº 3 (Art. 14 e 24). Disponível em: https://www2.camara.leg.br/atividade-legislativa/legislacao/Constituicoes_Brasileiras/constituicao-cidada/publicacoes/regimento-interno-da-assembleia-nacional. Acesso em: 14 de fev. de 2020. BRASIL. Câmara dos Deputados (1988). Decreto nº 7.247/1879. Reforma o ensino primário e secundário no município da Côrte e o superior em todo o Império. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/fed/decret/1824-1899/decreto-7247-19-abril-1879-547933-publicacaooriginal-62862-pe.html. Acesso em: 14 de fev. de 2020. BRASIL. Gabinete do Ministro-Ministério da Saúde (2020). Portaria GM/MS nº 454/2020. Declara em território nacional, o estado de transmissão comunitária do coronavírus (SARS-COV-2 /covid-19). Diário Oficial da União. Publicado em 20/03/2020. Edição 55-F. Seção 1 (Extra) página 1. BRASIL. Ministério da Educação (2020). História do Ministério da Educação, p. 1. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/conaes-comissao-nacional-de-avaliacao-da-educacao-superior/97-conhecaomec-1447013193/omec-1749236901/2-historia#:~:text=O%20Minist%C3%A9rio%20da%20Educa%C3%A7%C3%A3o%20foi,esporte%2C%20educa%C3%A7%C3%A3o%20e%20meio%20ambiente. Acesso em: 15 de jan. de 2021. BRASIL. Presidência da República (1824). Constituição Política do Império do Brazil. Artigos 1º, 178, 179 (XIII), 98, 99 e 179 (XXXII). Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao24.htm Acesso em: 02 de jan. de 2021. BRASIL. Presidência da República (1827). Lei de 15.10.1827. Art 1º. Disponível em http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/lim/LIM..-15-10-1827.htm. Acesso em: 02 de jan. de 2021. BRASIL. Presidência da República (1834). Ato Adicional da Lei nº 16 de 12.8.1834. Art. 10 (II). Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/lim/lim16.htm. Acesso em: 02 de jan. de 2021. BRASIL. Presidência da República (1934). Constituição da República dos Estados Unidos Do Brasil. Art. 149. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao34.htm. Acesso em: 02 de jan. de 2021. BRASIL. Presidência da República (1946). Constituição dos Estados Unidos do Brasil. Art. 218 e 36. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Constituicao46.htm. Acesso em: 02 de dez. de 2020. BRASIL. Presidência da República (1961). Lei nº 4.024/1961. Fixa as Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Art. 93 (3). Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L4024.htm. Acesso em: 14 de fev. de 2020. BRASIL. Presidência da República (1967). Emenda Constitucional nº 1 de 17.10.1969. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao67emc69.htm. Acesso em: 02 de dez. de 2020. BRASIL. Presidência da República (1967). Constituição Brasileira. Art. 168, inciso II. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao67.htm Acesso em: 02 de jan. de 2021. BRASIL. Presidência da República (1968). Ato Institucional nº 5. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/ait/ait-05-68.htm. Acesso em: 02 de jan. de 2021. BRASIL. Presidência da República (1981). Constituição da República dos Estados Unidos do Brasil. Art. 35 (IV). Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao91.htm. Acesso em: 02 de jan. de 2021. BRASIL. Presidência da República (1988). Constituição da República Federativa do Brasil. Título I - Princípios Fundamentais. Artigos 1º (II); 5º; 18 (§ 2º); 29; 168; 206 (IV), 213, 231; 232. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicao.htm. Acesso em: 24 de março de 2020. BRASIL. Presidência da República (1998). Constituição da República Federativa do Brasil.. Emenda Constitucional nº 19 de 4.6.1998. Art. 39 (§ 2º). Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Constituicao/Emendas/Emc/emc19.htm. Acesso em: 24 de março de 2020. BRASIL. Senado Federal (2020). Proposta de Emenda à Constituição n° 5/1983. Disponível https://www25.senado.leg.br/web/atividade/materias/-/materia/18035. Acesso em: 05 de jan. de 2021. BRASIL. Senado Federal (2019). Site de noticias do Instituto Legislativo Brasileiro (ILB/Interligs). Escola do Legislativo da Assembleia do Amazonas planeja ampla parceria com ILB/Interlegis. Disponível em: https://www.interlegis.leg.br/comunicacao/noticias/2019/escola-do-legislativo-da-assembleia-do-amazonas-planeja-ampla-parceria-com-ilb-interlegis. Acesso em: 22 de fev. de 2021. BRASIL. Senado Federal (2021). Instituto Legislativo Brasileiro (ILB/Interligs). Disponível em: https://www.interlegis.leg.br/institucional. Acesso em: 22 de fev. de 2021. BRASIL. Supremo Tribunal Federal (2018). Imprensa: Constituição 30 anos: As Constituições Brasileiras de 1824 a 1988,p. 1.Disponível em: https://portal.stf.jus.br/noticias/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=391696. Acesso em:05 de jan. de 2021. BRASIL. Constituição 30 anos: As Constituições Brasileiras de 1824 a 1988,p. 1.Disponível em: https://portal.stf.jus.br/noticias/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=391696. Acesso em: 05 de jan. de 2021. BUENO, Chris. 30 anos da Constituição Cidadã. Ciência e Cultura. Brasil 70 anos da SBPC, vol.70, nº4, p. 11. 2018. BUNCHAFT, Maria Eugênia. Patriotismo Constitucional: Jürgen Habermas e a reconstrução da ideia de Nação na Filosofia Política contemporânea. Curitiba: Juruá, p. 30-31 e 36. 2015. BUTORI, Margareth Melo Rezende. Educação Legislativa: As Escolas do Legislativo nas Câmaras Municipais de Minas Gerais. Revista Estudos Legislativos, ano 8, nº 8, p. 236. 2014. CARNUT, Leonardo; GORAIEB, Thais Teodoro; GUERRA, Lúcia Dias da Silva. Educação política e pensamento freireano: sistematizando o diálogo entre luta social e saúde. Revista Educación, Política y Sociedad, 5(2), p. 98 e 99. 2020. ISSN 2445-4109. CARON, Jonas; HERMANY, Ricardo. A participação política no poder local enquanto instrumento auxiliar no enfrentamento da corrupção. Revista Paradigma, vol. 28, nº 2, p. 15. 2019. CARVALHO, Luiz Maklouf: Segredos da Constituinte. São Paulo-SP, p. 172 e 173. 2017. CARVALHO, Maris do Carmo A. A. Participação social no Brasil hoje. São Paulo: Instituto Polis, p. 7. 1998. CASSIRER, Ernst. A questão Jean-Jacques Rousseau. Tard. Erlon José Paschoal. São Paulo: Editora UNESP, p. 38. 1999. CAZORLA, Irene Mauricio, SANTANA, Carlos Vitor. UTSUMI, Miriam Cardoso. O cubo estatístico: material para trabalhar variáveis estatísticas. 2020. In. X Congreso Internacional sobre enseñanza de las Matemáticas. Disponível em: http://congreso.pucp.edu.pe/xciem/wp-content/uploads/sites/59/2019/02/XCIEM_programa_resumenes_14_02_2020.pdf. CERVO, Amado L., BERVIAN, Pedro A. DA SILVA, Roberto. Metodologia Científica. São Paulo: Pearson Pentice Hall, p. 27. 2007. CHUDZIJ, Luísa Fófano. Políticas Públicas sob a ótica da democracia participativa: A participação popular por meio das redes sociais como mecanismo para maximizar o princípio da eficiência. Revista Digital de Direito Administrativo, vol. 8, nº 1, p. 235. 2021. CINNANTI, Cristina Jacobson Jácomo. A (des) confiança do cidadão no Poder Legislativo e a qualidade da democracia no Brasil. E-Legis-Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação da Câmara dos Deputados, vol. 6, nº 6, p. 91 e 93. 2011. CMM (Manaus, AM). Câmara Municipal de Manaus. Site de Notícia Institucional: câmara lança revista lúdica „Curumim no Parlamento‟ voltada ao público infanto-juvenil. Poder Legislativo. Disponível em: http://www.cmm.am.gov.br/camara-lanca-revista-ludica-curumim-no-parlamento-voltada-ao-publico-infantojuvenil/. Acesso em: 23 de fev. 2020. CMM (Manaus, AM). Câmara Municipal de Manaus (2013). Site de Notícia Institucional: ouvidor quer resgatar o Parlamento Jovem na CMM. Disponível em: http://www.cmm.am.gov.br/ouvidor-quer-resgatar-o-parlamento-jovem-na-cmm/. Acesso em: 04 de set. de 2020. COHN, Gabriel. A revolução burguesa no Brasil. p. 1-5. 2020. Disponível em: <https://aterraeredonda.com.br >. Acesso em: 10 de fev. de 2020. COMPARATO, Fábio Konder. Estudos e pareceres de direito público. São Paulo: Saraiva, p. 10. 1996. COMTE, Auguste. Sociologia. São Paulo. Editora Ática (7ª Coleção Grandes cientistas sociais). Organização Evaristo de Moraes Filho, p. 59. 1978. CONSTANT, Benjamin. Política e Cidadania. São Paulo: RT, p. 260. 1980. COSSON, Rildo. Escolas do legislativo, escolas de democracia. Brasília-DF. Câmara dos Deputados. Modo de acesso: livraria camara.leg.br. Edições Câmara (Série Colóquios de Excelência) no1, p. 14, 19 e 30. 2008. ISBN 978-85-402-0730-1. COSSON, Rildo Entre dois modelos: o Cefor como escola de governo. E-legis, Brasília, nº 1, p. 42 e 44. 2008. 173 COSSON, Rildo. Letramento político [recurso eletrônico]: a perspectiva do legislativo no estudo do Programa Estágio-Visita da Câmara dos Deputados de Brasília-DF: Câmara dos Deputados, Edições Câmara. Versão E-book. Formato impresso. 85-402-0730-1, p.23. 2018. ISBN 978- COSTA, Regina Couto da; COSTA, Laís de Miranda Crispim. Atuação do Movimento Estudantil da Universidade Federal de Alagoas no processo de redemocratização do Brasil. Revista Brasileira de História da Educação, vol. 20, p. 8. 2020. COSTA, Wesley da Silva. Notas sobre a sociedade global sem governo mundial em Habermas. Vol. 13, p. 50-51. 2020. CROSARA, Daniela de Melo, SILVA, Leonardo Barbosa. A Constituição Federal de 1988: os caminhos das políticas de democratização do acesso e permanência na educação superior como direito fundamental. Revista Educação e Políticas em Debate, vol. 7, nº 2, p. 295. 2018. ISSN 2238-8346289. CUNHA, Thiago Pereira. A nova cartografia social como instrumento para superação das vulnerabilidades da juventude rural no Baixo Tocantins. Revista Presença Geográfica, vol. 07, nº 01, Fundação Universidade Federal de Rondônia, Brasil, p. 15 e 16. 2020. DOI: https://doi.org/10.36026/rpgeo.v7i1.4812. CURSINI, Bruno Cesar. Questões para a história intelectual: uma leitura de Gilberto Freyre e o Estado Novo. Tempos Históricos. vol. 24, nº 1, p. 528. 2020. CURY, Carlos Roberto Jamil. Os parâmetros curriculares nacionais e o ensino fundamental. Revista Brasileira de Educação, vol. 1, nº 2, p. 4 e 6. 1996. CURY, Carlos Roberto Jamil. Da escola do legislativo como escola de democracia, p. 10. 2008. In: COSSON, Rildo. Escolas do legislativo, escolas de democracia. Brasília: Câmara dos Deputados, Edições Câmara. 2008. ISBN 978-85736-5568-1. CURY, Carlos Roberto Jamil. A Educação na Revisão Constitucional de 1926. In: A educação nas constituições brasileiras 1823 – 1988 / Osmar Fávero (org). 3ª edição. Campinas, SP. Coleção memória da educação. Autores Associados, p. 79. 2005. CURY, Carlos Roberto Jamil. Da escola do legislativo como escola de democracia, p. 10. 2008. In: COSSON, Rildo. Escolas do legislativo, escolas de democracia: Câmara dos Deputados, Brasília-DF Edições Câmara. 2008. DAHL, Robert Alan. On removing certain impediments to democracy in the United States. Political Science Quarterly, vol. 92, nº 1, p. 20. 1977. DA MATTA, Roberto. A casa e a rua. Rio de Janeiro, Guanabara Koogan, p. 24-29 e 100. 1991. DARIUS, Rebeca Pizza Pancotte; DARIUS, Fábio Augusto. A Educação Pública no Brasil no século XX: considerações á luz da formação dos Grupos escolares e do Manifesto dos Pioneiros da Educação Nova. Revista Brasileira. Psicologia e Educação, Araraquara, vol. 20, nº 1, p. 38. 2018. ISSN: 2594-8385. DA ROCHA, Marta Mendes; DOS SANTOS, Renata Vieira. O legislativo vai à escola: as instituições políticas e o poder legislativo no âmbito da educação regular. Biblioteca Digital. Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento da Câmara dos Deputados (E-Legis), nº 07, 2º semestre, p. 104. 2011. Disponível em: http://inseer.ibict.br/e-legis - http://bd.camara.gov.br. Acesso em: 10/07/2020. DA SILVA, Hérika Cardoso; SILVA, Jéssica Barbosa dos Santos; DE ARAÚJO, Larissa Rodrigues Campos; NOVO, Viviane Costa. A participação no processo político e democrático: análise do tema com os acadêmicos da escola superior de ciências sociais da universidade do estado do amazonas (ESO/UEA) a partir da prática no programa estágio visita - Brasília (DF). Anais - IV Encontro de Perspectivas: alfabetização política, relações de poder e cidadania. Organização Gimima Silva, Izaura Rodrigues, Lúcia Puga. 1ª edição. Rio de Janeiro. Editora Letra Capital, p. 56. 2017. DA SILVA, Marcos Luiz. A ideia de espaço público em Hannah Arendt. Cadernos Zygmunt Bauman, vol. 7, nº. 13, p. 119 e 128. 2017. ISSN 2236-4099. DA SILVA, Wagner Pires. Extensão universitária: um conceito em construção. Revista Extensão e Sociedade. Edição 2, p. 28. 2020. ISSN 2178-6054. DAUD, Anajara Carvalho Rabelo. DAUD, Samira dos Santos. A atualidade da teoria de Thomas Humphrey Marshall: efetividade da cidadania, políticas públicas e limites do controle judicial. Revista de Direitos Sociais e Políticas Públicas, nº1, vol. 2. Brasília, p. 148. 2016. ISSN: 2525-9881. DE ARAGÃO, José Wellington Marinho, NETA, Maria Adelina Hayne Mendes. Metodologia Científica. Salvador: UFBA, Faculdade de Educação, Superintendência de Educação a Distância, p. 34. 2017. ISBN: 978-85-8292-131-9. DE ARAÚJO MEDEIROS, Ruy Hermann; CASTANHO, Sérgio Eduardo Montes. Trajetória do Movimento Estudantil e expectativas sociais dos estudantes brasileiros: 1960-1980. Revista HISTEDBR On-Line, vol. 14, nº 55, p. 08. 2014. DE ASSIS, Luiz Fernandes. Educando para a cidadania: a experiência da escola do legislativo. Revista. Educação & Sociedade, ano XVIII, nº 59, p. 6 e 2. 1997. DE AZEVEDO, Daniel Abreu; DEN BRULE, David Melo van. Ciberespaço é a nova panaceia da democracia? Mercator, Fortaleza, vol. 20, p. 17. 2021. ISSN:1984-2201. DE BARROS, Antônio Teixeira; BERNARDES, Cristiane Brum; RODRIGUES, Malena Rehbein. Comunicação pública e participação política: o caso do Disque-Câmara. Revista de Estudos da Comunicação, vol. 13, nº 31, p. 159. 2012. DE BONA, Rodrigo da Silva, BOEIRA, Sérgio Luís. Observatório Social do Brasil e os desafios organizacionais do controle social. Cadernos Gestão Pública e Cidadania, São Paulo, vol. 23, nº 75, p. 218. 2018. ISSN 2236-5710. DE CARVALHO, José Murilo. Cidadania no Brasil: o longo caminho. 5. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, p. 10. 2004. DE FARIA, José Henrique; WALGER, Carolina de Souza. O lugar da universidade pública: referência social ou fator de desenvolvimento das forças produtivas? Revista NUPEM, vol. 12, nº 27, p. 15. 2020. DE FREITAS, Patrícia Regina. Igualdade, Cidadania E Justiça Sob A Ótica De Aristóteles. Revista Encontros, vol. 14, nº 27, p. 22, 36. 2016. DE MELO, William Maximiliano Carvalho; COELHO, Fernando de Souza. Gênese das escolas do Legislativo no Brasil: apontamentos históricos sobre a criação da EL-ALMG. Revista de Serviço Público, Brasília-DF, edição especial 70, p. 201 e 202. 2019. DE OLIVEIRA, Luiz Ademir; FERNANDES, Adélia Barroso. Espaço público, política e ação comunicativa a partir da concepção habermasiana. Revista Estudos Filosóficos, nº 6, p. 9. 2017. DE MENDONÇA, Roberta Rayza Silva. MAGALHÃES, Alex Bruno Feitoza. Interdisciplinaridade e Educação em Direitos Humanos: Notas Epistemológicas. III Seminário Internacional do Observatório dos Movimentos Sociais na América Latina. Educação, Movimentos Sociais e Epistemologias Subversivas, p. 5. 2017. DE MEDEIROS, Gabriel Saldanha Lula. Era Vargas: a Educação como Instrumento Político. Revista Multidisciplinar e de Psicologia, vol. 14, nº 50, p. 840 e 843-844. 2020. ISSN 1981-1179. DE MELO, William Maximiliano Carvalho, COELHO, Fernando de Souza. Gênese das Escolas do Legislativo no Brasil: apontamentos históricos sobre a criação da EL-ALMG. Revista do Serviço Público. Brasília-DF, p. 199 e 202. 2019. DEMO, Pedro. Educar pela pesquisa. 6ª Edição: Campinas, SP: Autores Associados, p.19. 2003. DE OCA, Maria Montes; WEHRMEISTER, Fernando C; VARELA, Maria Victorina Lopez; CASAS Alejandro; UGALDE, Luis; VENEGAS, Alejandra Ramirez; MENDONZA, Lara; LÓPEZ, Ana; SURMONT, Filip; MIRAVITLLES, Marc. Adherence to inhaled therapies of COPD patients from seven Latin American countries: The LASSYC study. PLoS One; p. 12. 2017. DOI: https://doi.org/10.1371/journal.pone.0186777. DE OLIVEIRA, Renan Luiz BrambillaGracino; DE OLIVEIRA, João Victor Mendes. A democracia como direito fundamental do ser humano. ETIC-Encontro de Iniciação Científica, vol. 16, nº 16, p. 5 e 129. 2020. ISSN 21-76-8498. DE RESENDE, Antônio José Calhau de. Poder Legislativo e cidadania. Belo Horizonte: Assembleia Legislativa do Estado de Minas Gerais, Escola do Legislativo, Núcleo de Estudos e Pesquisas, p. 86. 2015. ISBN: 978-85-85157-50-0 - CDU: 342.71(81). DE TOCQUIVELLE, Alexis. A democracia na América: leis e costumes de certas leis e certos costumes políticos que foram naturalmente sugeridos aos americanos por seu estado social democrático. Livro 1 Leis e Costumes. Tradução Eduardo Brandão; prefácio, bibliografia e cronologia François Furet. 2a edição, São Paulo: Martins Fontes, p. 19. 2005. ISBN 85-336-2170-1 - CDD-321.80420973. DISTRITO FEDERAL (Estado). Ato da Mesa nº 143/2003. Dispõe sobre o estágio universitário de curta duração. Ano LVIII - nº 005. Brasília-DF. 17 de Janeiro de 2003. Diário Oficial da Câmara dos Deputados Federal. Poder Legislativo, p. 0043. DISTRITO FEDERAL (Estado). Ato da Mesa nº 51/2004, Art. 1º. Centro de Documentação e Informação da Câmara dos Deputados Federal. Brasília-DF. Dispõe sobre o Programa do Estágio-Visita de curta duração. Disponível em: https://www2.camara.leg.br/legin/int/atomes/2004/atodamesa-51-18-novembro-2004-535031-publicacaooriginal-21960-cd-mesa.html. Acesso em: 24/04/ 2020. DOS SANTOS, Wanderson Barbosa. Participação coletiva e arenas de deliberação: sobre o conceito de esfera pública em Jürgen Habermas. Revista Abordagens. Edição Comemorativa: 40 anos do PPGS/UFPB. João Pessoa, vol.1, nº 2, p. 85 e 89. 2019. DOU, Diário Oficial do Estado do Amazonas. DOU nº 34.203, 42.063, 340.25, 340.26, 34.029. 2020. Decretos números 42.061; 42.063; 42.085; 42.087 e 42.100. Disponível em: https://diario.imprensaoficial.am.gov.br/. Acesso em: 03 de Janeiro de 2021. DUARTE, Rafaela. O Movimento Diretas já em 1984 e a participação dos catarinenses. Revista Memorare, vol. 4, nº 3, p. 46. 2017. DUDH, Assembleia Geral da ONU. (1948). Declaração Universal dos Direitos Humanos. Art. 1º. (217 [III] A). Paris. Disponível em: http://www.un.org/en/universal-declaration-human-rights. Acessado em 29 de maio de 2019. DURKHEIM, Émile. As regras do método sociológico. São Paulo: Abril Cultural, p. 82. 1978. FACHINETTI, Tamiris Aparecida, CANDIDO; Eliane Aparecida Piza; CARNEIRO, Relma Urel Carbone. A democratização do acesso ao ensino superior brasileira: realidades e desafios. Revista Brasileira de Psicologia e Educação. Araraquara, vol. 22, nº 1, p. 93. 2020. FAZENDA, Ivani Catarina Avantes; TAVARES, Dirce Encarnacion; GODOY; Herminia Prado. Interdisciplinaridade na Pesquisa Científica. Campinas. São Paulo-SP: Editora Papirus, p. 23-24 e 26. 2015. ISBN 978-85-449-0123-3. FEITOZA, Fernanda Bezerra Martins. Cidadania, direitos e política social. Revista Ciências Jurídicas e Sociais Aplicadas, vol. 3, no 1, p. 10 e 228. 2020. ISSN 2594-8768. FERNANDES, Florestan. A Revolução Burguesa no Brasil. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, p. 106 e 120. 1974. FERNANDES, Florestan. A revolução burguesa no Brasil. Ensaio de interpretação sociológica. Rio de Janeiro: Zahar, p. 350-354 e 356. 1975. FERNANDES, Florestan. Educação e sociedade no Brasil. São Paulo: Dominus, p. 347, 351 e 376. 1966. FERNANDES, Florestan. O desafio educacional. São Paulo: Cortez, p. 17, 18 e 21. 1989. FERNANDES, Pollyana Pereira; OLIVEIRA, Kleonara Santos; MATTA, Alfredo Eurico Rodrigues. Alfabetização sob a perspectiva de Paulo Freire. Research, Society and Development, vol. 10, nº1, p.2. 2021. FERREIRA, Evandson Paiva. O espaço público e a cidadania: contribuições de Hannah Arendt. Belo Horizonte, vol. 8, nº 15, p. 212 e 217. 2017. ISSN: 2177-6342. FERREIRA, José Ribeiro. Atenas, Uma Democracia? Conferência realizada na Faculdade de Letras do Porto, p. 171-172 e 174. 1989. FLEURY, Maria Tereza Leme; FISCHER, Rosa Maria. Gestão de pessoas: os desafios de aproximar a teoria da prática e vice-versa. Revista de Administração, vol. 33, nº 2, p. 90. 1998. FONSECA, Raphael Pereira. Um estudo comparativo entre o critical legal studies, de Roberto Mangabeira Unger e a primeira geração da escola de Frankfurt, de Adorno E Horkheimer. Revista Jures, vol. 12, nº. 22, p. 56-57. 2019. ISSN 2179-0167. FONTES, Paulo Vitorino. A Escola de Frankfurt e os fundamentos da teoria crítica alemã. International Journal of Philosophy and Social Values, vol. 2, nº. 2, p. 115. 2020. FREGOZONE, Gisleine Bartolomei; BOTELHO, Joacy M. TRIGUEIRO, Rodrigo de Menezes; RICIERI, Marilucia. Metodologia científica. Londrina: Editora e Distribuidora Educacional S.A, p. 23. 2014. ISBN 978-85-68075-30-2 - CDD 001.42. FREITAS, Ricardo. A Democracia ateniense e seus tribunais: o julgamento dos delitos na Polis Democrática. Caderno de Direito e Política, vol. 1, nº 1, p. 176-177 e 179. 2020. FREIRE, Paulo Reglus Neves. Pedagogia do Oprimido. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 42.ª edição, p. 16, 24 e 30. 2005. FREYRE, Gilberto. Brazil: aninterpretation. New York: Alfred A. Knofp, p.119-120.1945. GABERLINE, Camila Balista. Reflexão sobre participação social: barreiras e estratégias. Geosul, Florianópolis, vol. 32, nº. 64, p. 166 e 169. 2017. GIL, Antônio Carlos. Métodos e Técnicas da Pesquisa Social. 6ª edição. Editora Atlas, p. 15. 2008. GOERGEN, Pedro. A educação como direito de cidadania e responsabilidade do Estado. Revista Educação & Sociedade, Campinas, vol. 34, nº. 124, p. 740. 2013. GOHN, Maria da Glória. Teorias sobre a participação social: desafios para a compreensão das desigualdades sociais (Dossiê). Caderno CRH, Salvador, vol. 32, nº 85, p. 63, 64, 65 e 81. 2019. http://dx.doi.org/10.9771/ccrh.v32i85.27655. GOHN, Maria da Glória. Conselhos gestores e participação sociopolítica. 9ª edição. São Paulo: Cortez, p. 16 e 17. 2016. GUERRA, Maria das Graças Gonçalves Vieira, CARVALHO, Kliandra de Almeida Galdino. Controle social como exercício da cidadania no combate à corrupção. Textos e debates, Boa Vista, nº 32, p. 47. 2019. GUIMARÃES, Ulysses (1998). Íntegra do discurso presidente da Assembleia Nacional Constituinte, Dr. Ulysses Guimarães. Rádio Câmara. Câmara É História. Redação: Eduardo Tramarim, p. 1.2021. Portal da Câmara dos Deputados https://www.camara.leg.br/radio/programas/277285-integra-do-discurso-presidente-da-assembleia-nacional-constituinte-dr-ulysses-guimaraes-10-23/ 1/3. Acesso em: 17 de fev. de 2021. GRAMSCI, Antônio; BORDIGA, Amadeo. Conselhos de Fábrica. Capítulo: Democracia Operária. Editora Brasiliense S.A. São Paulo-SP, p. 32. 1981. GRAMSCI, Antônio. A Alternativa Pedagógica. Porto Alegre (RS): Artes médicas, p. 5. 1993. GRAMSCI, Antônio. Apontamentos e notas dispersas para o grupo de ensaios sobre a história dos intelectuais. In: Cadernos do Cárcere. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, vol. 2, 2a ed., p.13. 2001. HABERMAS, Jürgen. Mudança estrutural na esfera pública. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, p. 10 e 12, 1984. HABERMAS, Jürgen. La logica de lascienciassociales. Madri: Editorial Tecnos, S.A., p. 137. 1988. ISBN: 84-309-1561-3. HABERMAS, Jürgen. Três modelos normativos de democracia. Lua nova, versão. 36, p. 40-46 e 49. 1995. HABERMAS, Jürgen. Direito e democracia: entre facticidade e validade. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, vol. 2, p. 7, 92 e 93. 1997. HABERMAS, Jürgen. Era das transições. Tempo brasileiro, p. 140. 2003. HABERMAS, Jürgen. SIEBENEICHLER, Flávio Beno. Direito e democracia: entre facticidade e validade. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro p. 107. 2003. HABERMAS, Jürgen. O ocidente dividido: pequenos escritos políticos. Tradução Bianca Tavolari. São Paulo: Unesp, p. 174, 2011. HABERMAS, Jürgen. Técnica e ciência como “ideologia”. São Paulo: Editora Unesp, p. 142. 2014. HAYNES, Stephen N.; RICHARD, David; KUBANY, Edward S. Content validity in psychological assessment: A functional approach to concepts and methods. Psychological assessment, vol. 7, nº 3, p. 238-247.1995. HELLER, Gabriel. Diálogos institucionais e participação social: a legitimidade do tribunal de contas no controle de políticas públicas. Revista direito das políticas públicas, vol. 1, nº 2, p. 163. 2020. HOLANDA, Sergio Buarque de. Raízes do Brasil. São Paulo: Companhia das Letras, p. 160 e 219. 2016. IANNI, Octávio (org.). Florestan Fernandes: sociologia. São Paulo: Ática, p. 8. 1986. IANNI, Octávio. Raças e classes sociais no Brasil. São Paulo: Brasiliense, p. 124, 125, 188-190. 2004. IBGE. Instituto Brasileiro e Geografia e Estatística. Censo Demográfico 2020. Disponível em: https://www.ibge.gov.br/cidades-e-estados/am/manaus.html . Acesso em: 10 de maio de 2021. IPEA, do Instituto de Pesquisas Econômica e Aplicada. TD 2411 - A Contribuição dos Ricos para a Desigualdade de Renda no Brasil. Rio de Janeiro: Ipea. Texto para discussão, p. 22. 2018. ISSN 1415-4765. JOBIM, Nelson. A modernização do Legislativo. ALMG. Ciclo Nacional de Debates, p. 1887. 1991. JÚNIOR, Alaôr Messias Marques. Educação Legislativa: as escolas do Legislativo e a função educativa do parlamento. Biblioteca Digital. Revista Eletrônica do Programa de Pós-Graduação do Centro de Formação, Treinamento e Aperfeiçoamento da Câmara dos Deputados (E-Legis). Brasília-DF, nº 3, 2º semestre, p. 85. 2009. Disponível em: http://inseer.ibict.br/e-legis - http://bd.camara.gov.br. Acesso: 14 ab.2020. JÚNIOR. José Alcione Bernardes. As escolas do Legislativo no Estado Democrático de Direito: escolas de cidadania. Cadernos da Escola do Legislativo, vol. 20, nº 34, p. 132, 133, 134 e 137. 2019. JÚNIOR, Antônio de Macedo Mota, DE SOUSA, Joelson Pereira. A mercantilização do ensino superior no Brasil. XIII Colóquio Internacional “Educação e Contemporaneidade”, p. 5. 2019. KRAUSE, Katia Iracema. O Brasil de Amaral Neto, o Repórter- 1968-1985. Tese (Doutorado em História Social. Universidade Federal Fluminense. Instituto de Ciências Humanas e Filosofia, Departamento de História, p. 281. 2016. KOÇAN, Gürcan. Models of public sphere in political philosophy. Eurosphere, nº 2, p. 4, 2008. LACLAU, Ernesto; MOUFFE, Chantal. Hegemonia e estratégia socialista: por uma política democrática radical. São Paulo: Intermeios, p. 237. 2015. LAGE, Otília. História comparada e método comparativo historiográfico: problemáticas e propostas. Alto douro e pico, p. 66. 2018. LIMA, Grupo Sued Castro. Democracia & Soberania. Alexandre Santos (organizador). 1ª edição. Recife, PE: Câmara Brasileira de Desenvolvimento Cultural. Edições Moinho, vol. 2, p. 24-25 e 26. 2020. LIMA, Maria Eliene; JÚNIOR, Antônio da Silva Menezes; BRZEZINSKI, Iria. Cidadania: sentidos e significados. EDUCERE XIII - Congresso Nacional de Educação. Formação de Professores: contextos, sentidos e práticas, p. 2483. 2017. ISSN 2176-1396. LIMA, Oliveira. Nos Estados Unidos Impressões políticas e sociais. Edições do Senado Federal. Brasília: Senado Federal, Conselho Editorial, vol. 121, p. 203. 2009. LORAUX, Nicole. Nas origens da democracia.Sobre a transparência democrática.(Les origines de ladémocratie. Surlatransparencedémocratique.). Discurso São Paulo, nº 11, p. 17-18. 1982. MACHADO, Raquel Cavalcanti Ramos. Direito Eleitoral. 2ª edição. Revisada, atualizada e ampliada. São Paulo: Atlas, p. 15. 2018. MADROÑAL, Juan Manuel Ortega. El Discurso de Pericles: Atenas como ideal democrático. Éufrates Revista de História, p. 2. 2017. MADRUGA. Florian Augusto Coutinho. Apresentação. Estatuto da Associação Brasileira das Escolas do Legislativo e de Contas-ABEL. Brasília-DF, p.1. 2018. MANAUS (AM). Fato amazônico. Aleam consulta a sociedade sobre cursos que serão oferecidos em 2020. Disponível em: https://www.fatoamazonico.com.br/aleam-consulta-sociedade-sobre-os-cursos-que-serao-oferecidos-em-2020/. Acesso em: 10 de fev. de 2020. MANAUS (AM). Escola do Legislativo José Lindoso atendeu mais de 10 mil pessoas em 2019 (balanço de atividades 2019). Disponível em: https://www.fatoamazonico.com.br/escola-do-legislativo-jose-lindoso-atendeu-mais-de-10-mil-pessoas-em-2019/. Acesso em: 25 de fev. de 2020. MANAUS (AM). Câmara Municipal de Manaus. Cerimônia de certificação em Gestão Pública a servidores da CMM ano 2015. Disponível em: www.cmm.am.gov.br/cerimonia-de-certificacao-em-gestao-publica-a-servidores-da-cmm-ocorre-no-dia-25-deste-mes/. Acesso em: 24 de fev. de 2021. MANAUS (AM). Diretoria Legislativa. Resolução n° 051, de 25/09/2007. Artigo 2º (II). Dispõe sobre a finalidade do “Parlamento Jovem Municipal” nº. 1822, ano VIII. . D.O.M. 15.10.2007. MANAUS (AM). Poder Legislativo. Câmara Municipal de Manaus. Diretoria Legislativa. Resolução n° 049, de 20/08/2007. Artigo 2º, inciso VII. Contribui para a construção do Poder Legislativo, seu funcionamento e relações com outros poderes e sociedade, nº 1787, ano VIII. D.O.M. 21082007. MANAUS (AM). Poder Legislativo. Câmara Municipal de Manaus. Diretoria Legislativa. Resolução n° 049, de 20/08/2007. Artigo 29, inciso IV. Programa de Parceria da CMM com o ensino superior, nº 1787, ano VIII. D.O.M. 21082007. MANAUS (AM). Poder Legislativo. Câmara Municipal de Manaus. Diretoria Legislativa. Resolução n° 049, de 20/08/2007. Artigo 30. Desenvolvimento dos programas e relações com instituições que correspondam às necessidades do planejamento, nº 1787, ano VIII. D.O.M. 21082007. MANAUS (AM). Poder Legislativo. Câmara Municipal de Manaus. Diretoria Legislativa. Resolução n° 049, de 20/08/2007. Artigo 34. Trata do programa de parceira da CMM com o objetivo de intercâmbio com o mundo acadêmico, nº 1787, ano VIII. D.O.M. 21082007. MARSHALL, Thomas Humphrey. Cidadania, classe social e status. Rio de Janeiro: Zahar, p. 60, 63, 64-66, 1967. MARSHALL, Thomas Humphrey. Cidadania e Classe Social [Ed. atual trad. e rev. Por EaD/CEE/MCT],2. ed. Brasília: Senado Federal, Centro de Estudos Estratégicos, Ministério da Ciência e Tecnologia, p. 9 e 27, 2002. MARTINELLI, Veronica Vieira. O Instituto Nacional de Ciência Política (Incp): Uma “Escola De Patriotismo” no Estado Novo (1940-1945). Revista História e Cultura, vol. 9, nº 1, p. 526-527, 2020. ISSN: 2238-6270. MARTINS, Ana Betânia de Souza Pimentel. Cartografias Sociais e Participativas no Brasil: Emergência da prática e principais nuances adotados. Revista Brasileira de Sensoriamento Remoto, vol. 1, nº 3, p. 11, 67 e 71. 2021. MARTINS, Lúcio Meireles. DE BARROS, Antonio Teixeira. Influências do parlamento jovem no comportamento político dos egressos: análise da autopercepção dos jovens participantes. Revista Brasileira de Ciência Política, nº 27. Brasília, dezembro de 2018, p.149. DOI: 10.1590/0103-335220182705. MARTINS, Lúcio Meireles. DE BARROS, Antônio Teixeira. Juventude e educação para democracia: relatos de egressos do Parlamento Jovem Brasileiro. Revista Sociologia e Política, vol. 26, nº 66, p. 51 e 53. 2018. MARX. Karl. O 18 de brumário de Luís Bonaparte. Tradução e notas Nélio Schneider; prólogo Herbert Marcuse. São Paulo. Boitempo Editorial. Coleção Marx-Engels. Tradução de: Der AchtzehnteBrumairedes Louis Bonaparte. Editora Parma, p. 25. 2011. ISBN 978-85-7559-171-0 - CDD: 944.06. MASTRODI, Josué; AVELAR, Ana Emília Cunha. O conceito de cidadania a partir da obra de TH Marshall: conquista e concessão. Cadernos de Direito, vol. 17, nº 33, p. 22-24. 2017. ISSN Eletrônico: 2238-1228. MATTEO, Priscilla Pereira. A estrutura da democracia ateniense e sua relação com a natureza das leis. Conhecimento Interativo, vol. 14, nº 21, p. 176-177, 334, 335. 2020. ISBN 1809-3442. MEDEIROS, Ana Lúcia, TEIXEIRA, Maria Luisa Mendes. A potencialidade do pensamento de Boaventura Santos para os estudos organizacionais. Revista de Ciência da Administração, vol. 20, nº 50, p. 172 e 218. 2017. MELO, Alfredo Cesar. O texto e o pacto: estratégias discursivas em Casa-grande & senzala para pactuar a democracia racial. Revista do Instituto de Estudos Brasileiros, Brasil, nº 77, p. 114 e 116. 2020. MESQUITA, Gustavo. Gilberto Freyre e o Estado Novo: a trajetória de uma relação ambígua. Cadernos do Desenvolvimento, Rio de Janeiro, vol. 8, nº 12, p. 208, 2013. MEUCCI, Simone. Encaixes, desencaixes e bloqueios: sociologia e educação no Brasil da década de 1950. Lua Nova Revista de Cultura e Política, nº. 110, p. 90. 2020. MICROSOF Excell, 2010. Programa do Pacote Office da Microsoft. Planilha de cálculos. MILL, John Stuart. OnLiberty. Chapter 2: OftheLibertyofThoughtandDiscussion. Batoche Books Limited. 52 Eby Street South Kitchener, Ontario. N2G 3L1. Canada. Email: batoche@gto.net, p. 19 e 20. 2001. MINAS GERAIS (MG). Pontifícia Universidade Católica. Parlamento Jovem PUC-MG. Edição 2016. Disponível em: https://www.pucminas.br/ics/cienciassociais/paginas/parlamento-jovem.aspx#:~:text=O%20Projeto%20Parlamento%20Jovem%20existe,levado%20aos%20outros%20munic%C3%ADpio%E2%80%A6. Acesso em 21 de fev. de 2021. MINAS GERAIS (MG). Câmara Municipal de Minas Gerais. Parlamento Jovem de Minas. Edição 2020. Disponível em: https://www.cmbh.mg.gov.br/comunicação/notícias/2020/06/edição-2020-do-parlamento-jovem-de-minas-é-100-online. Acesso em 21 de fev. de 2021. MINAYO, Maria Cecilia de Souza; DESLANDES, Suely Ferreira; NETO, Otávio Cruz; GOMES, Romeu. Pesquisa Social. Teoria, Método e Criatividade. 21ª edição. Editora Vozes, Ltda. Petrópoles, RJ. p. 22. 2002. ISBN 85.326.1145-1 - CDD 300.72. MINAYO, Maria Cecília De Souza; SOUZA, Edinilsa Ramos; CONSTANTINO, Patrícia; MIZUTANI, Larissa Caetano. A constituição cidadã: a representação política diante da participação popular Brasileira na constituinte de 1987-1988. Tese de Doutorado. Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Direito da Universidade de Brasília-DF, p.15. 2020. MONCLAIRE, Stéphane. Brésil. Um processo de longo prazo, p. 159. 2008. O Brasil 20 anos depois. Brasília, Senado Federal, Instituto Legislativo Brasileiro, 2008. Disponível em: <https://www12.senado.leg.br/publicacoes/estudos-legislativos/tipos-de-estudos/outras-publicacoes/volume-i-constituicao-de-1988/um-processo-de-longo-prazo/view . Acesso em 26 dez. 2020. MORIN, Edgar. Ciência com consciência. Edição 2ª ed. Rio de Janeiro, RJ: Bertrand Brasil, p. 192. 1998. MOURA, Marcilene Rosa Leandro. O Grêmio estudantil na gestao da escola democrática: Protagonismo e resiliência ou despolitizaçao das práticas formativas. Revista de Ciências da Educação Unisal Americana-SP, Ano XII , nº 23, 2º Semestre, p. 281. 2010. NETO, Alexandre Ribeiro, SANTOS, Lincoln de Araújo. Negros e os ninguéns: política e Educação no pensamento social de Darcy Ribeiro. Revista HISTEDBR on-line Campinas, SP vol.19, p. 4 e 6. 2019. NETTO, Mario Borges. MACHADO, Maria Cristina Gomes. A militância de Florestan Fernandes em defesa da escola pública brasileira (1954 - 1964). Revista de Educação Pública, vol. 29, p. 10. 2020. ISSN 2238-2097. NOGUEIRA, Marcos Aurélio. Entrevista. O relacionamento da juventude brasileira com a politica nacional. Revista Contra Corrente, nº 13. Cultura, identidade, cidadania e relações de poder, p. 9. 2019. ISSN 2525-4529. NOGUEIRA, Octaciano. A Constituição de 1824. I - A eficácia histórica da Constituição de 1924. 3. Edição. Brasília: Senado Federal. Subsecretaria de Edições Técnicas, Coleção Constituições brasileiras; vol. 1, p.10. 2012. ISBN: 978-85-7018-424-5. NUNES, Edson de Oliveira. A gramática política do Brasil: clientelismo e insulamento burocrático. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor; Brasília, DF; ENAP, p. 6. 1997. OLIVEIRA, Eleilde de Sousa; FREITAS, Tatiane Cantanhede; DE SOUSA, Marliane Ribeiro; MENDES, Nilteane Conceição da Silva Gomes Mesquita; ALMEIDA, Tiago dos Reis; DIAS, Luciana Cutrim; FERREIRA, Aline Larissa Mota; FERREIRA, Ana Paula Mota. A educação a distância (EaD) e os novos caminhos da educação após a pandemia ocasionada pela Covid-19. Brazilian Journal of Development, vol. 6, nº 7, p. 52865. 2020. OLIVEIRA, Juliano Cordeiro da Costa. Poder e Comunicação: os caminhos de Hannah Arendt e Jürgen Habermas. Cadernos Arendt, vol. 2, nº 1, p. 121. 2020. OLIVEIRA, Raiany. Relações entre ciência, literatura e mundo da vida social: a problemática do progresso técnico a partir de algumas noções iniciais de Jürgen Habermas. Khronos, nº 10, p. 208. 2020. OPER. Validação de Instrumentos de Pesquisas Científicas, p. 1. 2020. Disponível em: https://operdata.com.br/blog/validacao-de-instrumentos-de-pesquisa/. Acesso em: 28 de jan. de 2021. PARRA, Jorge David Barrientos. LUNARDI, Soraya Regina Gasparetto. A democracia participativa na Assembleia Nacional Constituinte e na Constituição de 1988. Revista Brasileira de Estudos Políticos. Belo Horizonte, nº 121, p. 45 e 424. 2020. PATINO, Cecilia Maria; FERREIRA, Juliana Carvalho. Critérios de inclusão e exclusão em estudos de pesquisa: definições e por que eles importam. Jornal Brasileiro de Pneumologia, vpl. 44, nº 2, p. 84. 2018. PEREIRA, José Carlos Matos. Indígenas na cidade de Manaus (AM). Novos Cadernos NAEA, vol. 23, nº 3, p. 15. 2021. PIEROBON, Flavio. A cidadania e o cidadão no contrato social de Rousseau. Argumenta Journal Law. Programa de Mestrado em Ciência Jurídica da UENP. vol 17, no 17, p. 268. 2012. PINTO, Jorge Eschriqui Vieira. O pensamento de Anísio Teixeira e a formação integral na educação profissional técnica no Brasil. Ensino em Perspectivas, Fortaleza, vol. 2, nº 2, p. 3 e 5. 2021. ISSN: 2675-914411. PIRES, Teresinha Inês Teles. A concepção de Jürgen Habermas sobre o direito cosmopolita: premissas filosóficas e pragmáticas de um ideal humanitário. Joaçaba, vol. 21, nº 2, p. 336 e 339. 2020. PORTO, Anderson Candeia; DE ARAÚJO, JailtonMacena. A desconstrução da cidadania ante a nova regulamentação do trabalho: uma nova era de precarização. In: Anais do Congresso de Políticas Públicas e Desenvolvimento Social da Faculdade Processus, p. 129 e 130. 2020. POUPART, Jean; DESLAURIERS Jean Pierre; GROULX, Lionel H; LAPERRIÈRE, Anne; MAYER, Robert; PIRES, Álvaro P. A pesquisa qualitativa: enfoques epistemológicos e metodológicos. Tradução de Ana Cristina Nasser. 3ª edição. Petrópolis, RJ. Editora Vozes. Coleção Sociologia, p. 297. 2012. ISBN 978-85-326-3681-2 - CDC 300.72. RODRIGUES, Luis Carlos Freitas, DE CASTRO, Fábio Fonseca. Democracia deliberativa, participação e desigualdade no Brasil. Notas sobre um debate. Paper do NAEA, vol. 28, nº 2 (434), p. 1413. 2019. ISSN 15169111. RIBEIRO, Darcy. O povo brasileiro. São Paulo: Companhia das Letras, p. 215 e 2020. 2006. RIBEIRO, Edgard Costa dos Santos; FREIRE, Diana Claudia; GUIMARÃES, Wander Barcelar. A participação da sociedade civil no controle da administração pública. Revista FAROL, Rolim de Moura-RO, vol. 9, nº 9, p. 7. 2020. ISSN Eletrônico: 2525-5908. ISSN Impresso: 1983-1633. ROMANO, Roberto. O caldeirão de Medéia: o problema da soberania popular, da soberania estatal e das ciências hoje. Revista do Centro de Estudos da Procuradoria Geral do Estado de São Paulo, p. 45. 1996. ROUSSEAU, Jean Jacques. Do contrato social. Tradução Rolando Roque da Silva do Brasil. Edição Eletrônica por Ridendo Castigat Mores, p. 10, 86. 2002. RUSSO, João Gustavo Jara, DOS SANTOS, Wellington. Da interpretação de Gilberto Freyre e Roberto Damatta sobre a formação moderna da sociedade brasileira à crítica sociológica de Jesse de Souza. Revista Movimentação. Dourados, MS, vol.7, nº 13, p. 23, 26, 27. 2020. ISSN 2358-9205. SALLA, Thiago Mio. O Estado Novo e as críticas a Machado de Assis na primeira metade dos anos 1940. Machado Assis Linha vol.5, nº 10. Rio de Janeiro, p. 87. 2012. ISSN 1983-6821. SALGADO, Rafael Junior dos Santos Figueiredo;DOS SANTOS; Luana Ferreira; RESENDE, Tamiris Cristhina; DE SOUZA, Washington José. Cidadania deliberativa e gestão social: revisão sistemática de literatura no Brasil. Cadernos EBAPE. BR, vol. 17, nº SPE, p. 3, 819. 2019. ISSN 1679-3951. SANTOS, Boaventura de Sousa. A universidade no século XXI: para uma reforma democrática e emancipatória da universidade. In: SANTOS, B. S.; ALMEIDA FILHO, N. (Org.). A universidade no século XXI: por uma universidade nova. Coimbra: Almedina, p. 40. 2008. SANTOS, Boaventura de Sousa. A crítica da razão indolente: contra o desperdício da experiência para um novo senso comum. A ciência, o direito e a política na transição paradigmática, vol. 1. São Paulo: Cortez, p. 72, 74 e 79. 2009. SANTOS, Igor. A constituição mista em Aristóteles: as formas de governo, a história e a perfeição nos limites do possível. Revista de Ciências do Estado. Belo Horizonte: vol. 5, nº. 1, p. 6. 2020. ISSN: 2525-8036. SANTOS, Milton. Por uma outra globalização:do pensamento único à consciência universal. Rio de Janeiro: Record, p. 169. 2004. SANTOS, Nilton César. Métodos, técnicas e relações em triangulação. In. MINAYO, Maria Cecília de Souza; ASSIS, Simone Gonçalves de; SOUZA, Edinilsa Ramos de. Avaliação por triangulação de métodos: abordagem de programas sociais. Rio de Janeiro; Editora Fiocruz, p. 71. 2005. SÃO PAULO (Estado). Câmara Municipal da Prefeitura de Ribeirão Preto. Balanço da atividade de 2019. Estágio visita com universitários. Disponível em: http://www.camararibeiraopreto.sp.gov.br/escola_parlamento/pdf/balanco_2019.pdf. Acesso em: 22 de fev. de 2020. SÃO PAULO (Estado). Poder Legislativo. Diário Oficial do Estado de São Paulo. Resolução nº 798, de 02 de setembro de 1999. § 2º - Art. 2º. O Parlamento Jovem tem por finalidade possibilitar aos alunos de escolas públicas e particulares a vivência do processo político democrático mediante a participação em uma jornada parlamentar na Assembleia Legislativa, com diplomação e exercício do mandato. Volume 109, nº 168. Disponível em: https://www.imesp.com.br. Acesso em 22 de abr. de 2020. SARAMAGO, José. Democracia e Universidade. Belém: EdUFPA. Lisboa: Fundação José Saramago, p. 26. 2013. SCHLESENER, Anita Helena. A escola de Leonardo: política e educação nos escritos de Gramsci. Brasília: Liber Livro, p. 107-108. 2009. SCHEUERMNANN; Aniele Elis; JUNG, Hildegard Susana; CANAN; Silvia Regina. Educação de tempo integral no Brasil, passos e descompassos de Ruy Barbosa e Anísio Teixeira aos dias atuais. Revista Ibero-Americana de Estudos em Educação, vol. 12, nº 1, p. 426. 2017. ISSN-e 1982-5587. SATOLO. Vanessa Prezotto Ximenes; BERNARDO, Cristiane Hengler Corrêa; LOURENZANI, Ana Elisa Bressan Smith; MORALES, Angélica Góis. Um Panorama Histórico-Conceitual da Pesquisa Interdisciplinar: Uma Análise a Partir da Pós-Graduação da Área Interdisciplinar. Educação em Revista. Belo Horizonte, volume 35. I Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho”, São Paulo-SP, p. 07. 2019. SAULE, Nelson Júnior. A Participação dos Cidadãos no Controle da Administração Pública. Pólis Papers. Assessoria, Formação e Estudos em Políticas Sociais, p. 8. 1998. SAVIANI, Dermeval. Vicissitudes e perspectivas do direito à educação no Brasil: abordagem histórica e situação atual. Revista Educação & Sociedade, Campinas, vol. 34, nº 124, p. 745. 2013. SAVIANI, Dermeval. História das ideias pedagógicas no Brasil. 5ª edição. Campinas: Autores Associados, p. 254 e 307. 2019. SIQUEIRA, Mirele Hashimoto. Gramsci e os conselhos de fábrica: notas a partir dos escritos pré-carcerários. Revista Alamedas, vol. 5, nº 1, p. 7, 2017. ISSN 1981-025. SOTO, Damián Pachón. Rousseau y el totalitarismo. Analecta política. Medellín-Colombia, vol. 5, nº 6, p. 48, 2014. ISSN: 2027-7458. SOUZA, Almir Rogério da Silva, DE VASCONCELOS, Isabella Francisca Freitas Gouveia. Meritocracia e gestão de pessoas por competências: tema utópico ou realidade organizacional? Fundação Getulio Vargas (FGV EBAPE)/ Escola Brasileira de Administração Pública e de Empresas, Rio de Janeiro –RJ, Brasil, p. 2. 2020. SOUZA, Jessé. A modernização seletiva – uma interpretação do dilema brasileiro. São Paulo, Ed. UnB, p. 265. 2000. SOUZA, Jessé. A sociologia dual de Roberto da Matta: descobrindo nossos mistérios ou sistematizando nossos auto-enganos? Revista Brasileira de Ciências Sociais, vol. 16, nº 53, 54. 2001. SOUZA, Jessé. A ralé brasileira – quem é e como vive. Belo Horizonte, Ed. UFMG, p. 21, 73. 2009. SOUZA, Jessé. A elite do atraso: da escravidão à lava jato. Rio de Janeiro, Ed. LeYa, p. 52-53. 2017. SOUZA, Jessé. Subcidadania Brasileira: para entender o país além do jeitinho brasileiro. Rio de Janeiro: LeYa, p. 170. 2018. SUDBRACK, Edite Maria; NOGARO, Arnaldo. Por uma universidade para o mercado ou para todos: democracia e emancipação. Revista Internacional de Educação Superior, vol. 3, nº 2, p. 419 e 427. 2017. TEIXEIRA, Alexandre Eustáquio; BARBOSA, Karina Junqueira. Desafios para a formação política de jovens no projeto "Parlamento Jovem de Minas" a partir de uma metodologia em rede. Revista Interdisciplinar de Extensão, vol. 1, nº 1, p. 34 e 35. 2017. TEIXEIRA, Anísio Spínola. Educação para a democracia: introdução à administração educacional. 2ª edição. São Paulo: Nacional, p. 29. 1953. TENÓRIO, Fernando Guilherme. (Re)Visitando o conceito de gestão social. Desenvolvimento em Questão, vol. 3, nº 5, p. 105. 2005. VALENTE, Bruna Tavares; FAVARO, Neide de Almeida Lança Galvão; SEMZEZEM, Priscila; PIZOLI, Rita de Cássia; GARCIA, Dorcely Isabel Bellanda. Rousseau e seu projeto educacional liberal. Research, Societyand Development, vol. 9, nº 10, p.6. 2020. ISSN 2525-3409. VARGAS, Getúlio. Discurso de Posse (1943). Academia Brasileira de Letras, p. 3. Disponível em: https://www.academia.org.br/academicos/getulio-vargas/discurso-de-posse. Acesso em: 15 de jan. de 2021. VICENTE, José João Neves Barbosa. As ideias políticas de Rousseau e o" Totalitarismo". Contextura, vol. 11. Belo Horizonte, nº 15, p. 40. 2020. VIEIRA, Kauê. Coronavírus faz 1ª democracia ruir e abre debate ético sobre vigilância e controle. Hypeness: Artigo eletrônico Inovação e criatividade para todos, p. 1. 2020. Disponível em: https://www.hypeness.com.br. Acesso em: 01 de fev. de 2021. VILANOVA, Francisco Rairan dos Santos; SPÍNDOLA, AnyElle Varanda; Marinho, JoseanneZingleara Soares; As propostas constitucionais para a Educação Brasileira (1891-1946). Revista Eletrônica Discente do Curso de História - UFAM, vol. 4, nº 1, ano 4, p. 350-351 e 356. 2020. XAVIER, Libânia. Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil da Fundação Getúlio Vargas. 2020. Biografia de Fernandes Florestan: const. 1987-1988; dep. fed. SP 1987-1994. Disponível em: http://www.fgv.br/cpdoc/acervo/dicionarios/verbete-biografico/fernandes-florestan. Acesso em: 02 de dez. de 2020. WEFFORT, Francisco Correia. Formação do pensamento político brasileiro: ideias e personagens. São Paulo: Ática, p. 328. 2006. ZACARIAS, Eli Alves. A educação para democracia: análise das Escolas dos Legislativos na região metropolitana de Ribeirão Preto. Dissertação (mestrado). Universidade Estadual Paulista (Unesp), Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, Franca, p. 10. 2019.pt_BR
dc.subject.cnpqCiências Humanaspt_BR
dc.publisher.initialsUEApt_BR
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - PPGICH Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Democracia e cidadania abordagem crítica sobre a atuação das escolas do legislativo no município de Manaus-AM.pdfArquivo principal.3,26 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.