DSpace logo

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorioinstitucional.uea.edu.br//handle/riuea/3217
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorMartins, Laiene Cabral-
dc.date.available2020-11-30-
dc.date.available2020-12-14T13:28:53Z-
dc.date.issued2020-11-04-
dc.identifier.urihttp://repositorioinstitucional.uea.edu.br//handle/riuea/3217-
dc.description.abstractIn the teaching of any school subject it is essential that the student be provided an education that guarantees a comprehensive education in the sense that not only retain knowledge, but mainly that it is used for the benefit of exercising their citizenship. This training, however, is impossible to obtain without the understanding that social practice should be the starting point and the ending point of all human knowledge. Considering such an affirmation implies inserting in the educational practice the transversality which is the possibility of establishing a relationship between learning knowledge theorists with the issues of society in a systematic way (BRASIL, 1998). In learning mathematics, for example, the transversal themes are far beyond traditional curricular content, they permeate the very vision that the school has in relation to the discipline, and often the contents mathematicians are considered to be useless and merely theoretical, being limited to excessive calculations, without any impact on society (MONTEIRO; POMPEU, 2001). In this sense, working in the classroom from a transversal perspective becomes indispensable, since it involves emerging social issues of interest to the community, so addressing them with students will be significant and relevant, as they will perceive that in some way they can intervene in the mitigation of problems of reality, exercising their critical conscience (MONTEIRO; POMPEU, 2001). Regarding these social issues, one that stands out refers to the theme Environment, recommended both in the PCN (National Curriculum Parameters) of Education 10 Elementary School as in Law No. 9,7951 , being of fundamental importance for the formation of the citizen and a healthy, solidary, responsible and sustainable. Emphasizing this theme in teaching will generate relevant reflections on the future of nation, given that students will be able to understand and reflect on the consequences of emerging social issues in their own lives. According to the PCN (1997), understanding the phenomena that occur the environment - pollution, deforestation, limits on the use of natural resources, waste - will have essential tools in concepts, such as: averages, areas, volumes, proportionality, etc .; in addition to mathematical procedures.pt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade do Estado do Amazonaspt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.rightsAtribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectAprendizagem, Tema transversal, Geometria Planapt_BR
dc.subjectLearning, Cross-cutting theme, Flat geometrypt_BR
dc.titleAprendizagem de área e perímetro através da abordagem do tema transversal "desmatamento no 8º ano do ensino fundamental de uma escola pública municipal de Tefé/AM.pt_BR
dc.typeTrabalho de Conclusão de Cursopt_BR
dc.date.accessioned2020-12-14T13:28:53Z-
dc.contributor.advisor1Mota, Denise Medim da-
dc.description.resumoNo ensino de qualquer disciplina escolar é fundamental que se proporcione ao aluno uma educação que lhe garanta uma formação integral no sentido de que não só retenha conhecimentos, mas principalmente que estes sejam utilizados em benefício do exercício de sua cidadania. Esta formação, entretanto, é impossível de ser obtida sem que haja a compreensão de que a prática social deve ser o ponto de partida e o ponto de chegada de todo o conhecimento humano. Considerar tal afirmativa implica inserir na prática educativa a transversalidade que é a possibilidade de se estabelecer uma relação entre aprender conhecimentos teóricos com as questões da sociedade de forma sistemática (BRASIL, 1998). Na aprendizagem da Matemática, por exemplo, os temas transversais vão muito além de conteúdos curriculares tradicionais, perpassam a própria visão que a escola possui em relação à disciplina, sendo que muitas vezes os conteúdos matemáticos são considerados sem utilidade e meramente teóricos, limitando-se a cálculos excessivos, sem qualquer impacto na sociedade (MONTEIRO; POMPEU, 2001). Nesse sentido, trabalhar na sala de aula sob a perspectiva transversal torna-se indispensável, uma vez que envolve questões sociais emergentes de interesse da comunidade, logo, abordá-las com os estudantes constituirá algo significativo e relevante, pois perceberão que de alguma maneira podem intervir na amenização de problemas da realidade, exercendo sua consciência crítica (MONTEIRO; POMPEU, 2001). Sobre essas questões sociais, uma a se destacar refere-se ao tema Meio Ambiente, preconizado tanto nos PCN (Parâmetros Curriculares Nacionais) do Ensino 10 Fundamental de Matemática como na lei nº 9.7951 , sendo de fundamental importância para a formação do cidadão e de uma sociedade sadia, solidária, responsável e sustentável. Enfatizar esse tema no ensino gerará reflexões relevantes acerca do futuro da própria nação, haja vista que os alunos conseguirão entender e refletir sobre as consequências das questões sociais emergentes em suas próprias vidas. De acordo com os PCN (1997), a compreensão dos fenômenos que ocorrem no ambiente – poluição, desmatamento, limites para uso dos recursos naturais, desperdício – terá ferramentas essenciais em conceitos, tais como: médias, áreas, volumes, proporcionalidade, etc.; além de procedimentos matemáticos.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.initialsUEApt_BR
Appears in Collections:CEST - Trabalho de Conclusão de Curso



This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons