DSpace logo

Please use this identifier to cite or link to this item: http://repositorioinstitucional.uea.edu.br//handle/riuea/1904
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorPaes, Graziela Ramos-
dc.date.available2019-12-17-
dc.date.available2019-12-17T16:47:40Z-
dc.date.issued2015-05-28-
dc.identifier.urihttp://repositorioinstitucional.uea.edu.br//handle/riuea/1904-
dc.description.abstractLourenço Mutarelli’s literature introduces the recurrence of a theme that, in different ways, becomes present in his stories: the uncanny. The characters of his novels, immersed in an urban and contemporary setting, undergo a period of crisis that, among a suffocating routine, permeate their lives by events capable of causing disorder. The author’s novels lead us to this world – associated with beliefs, dreams and superstitions – and invite us to engage in the narrative and accompany each one of the character’s intimacy. It is important to emphasize that such intimacy is always in dialogue with the social, economic and emotional reality of the subject: the financial struggle, the media and consumerism appeals, work-related problems, the lack of communication between people, family and love crises and so on. Therefore, it is interesting to realize the peculiar way in which the author builds his fiction, approaching narrative actions to current references and working with the imagination and sensitivity of its characters. From these characteristics of the author’s prose, the goal of this dissertation is to investigate the novel A arte de produzir efeito sem causa, taking into account the aspects cited above; also, to discuss how – regarding the issue of the uncanny – the author manages to build a narrative by means of the performative realism (SCHØLLHAMMER, 2009). That way, we will discuss about contemporary Brazilian literature, historical realism and the “new-realism” (SCHØLLHAMMER, 2009), as well as a few aspects of performative writing. Keywords: Contemporary Brazilian Literature. Performative Realism. Lourenço Mutarellipt_BR
dc.description.sponsorshipFundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonaspt_BR
dc.languageporpt_BR
dc.publisherUniversidade do Estado do Amazonaspt_BR
dc.rightsAcesso Abertopt_BR
dc.rightsAtribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Brasil*
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/br/*
dc.subjectLiteratura brasileira contemporâneapt_BR
dc.subjectRealismo Performáticopt_BR
dc.subjectLourenço Mutarellipt_BR
dc.titleO realismo performático em "A arte de produzir efeito sem causa", de Lourenço Mutarellipt_BR
dc.typeDissertaçãopt_BR
dc.date.accessioned2019-12-17T16:47:40Z-
dc.contributor.advisor1Silva, Allison Marcos Leão da-
dc.contributor.advisor1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2862237221241530pt_BR
dc.contributor.referee1Silva, Allison Marcos Leão da-
dc.contributor.referee1Latteshttp://lattes.cnpq.br/2862237221241530pt_BR
dc.contributor.referee2Zucolo, Nicia Petreceli-
dc.contributor.referee2Latteshttp://lattes.cnpq.br/4572857563677466pt_BR
dc.contributor.referee3Rolon, Renata Beatriz Brandespin-
dc.contributor.referee3Latteshttp://lattes.cnpq.br/4985813714235077pt_BR
dc.creator.Latteshttp://lattes.cnpq.br/6286073933409097pt_BR
dc.description.resumoA literatura de Lourenço Mutarelli apresenta a recorrência de uma temática que, de diferentes modos, se faz presente em suas histórias: o insólito. Os personagens de seus romances, imersos em um cenário urbano e contemporâneo, vivem crises nas quais, em meio à rotina sufocante, perpassam por suas vidas acontecimentos capazes de causar transtorno. Os romances do autor nos conduzem a este mundo – ligado a crenças, sonhos e superstições – convidando-nos a entrar na narrativa e acompanhar a intimidade de cada um dos personagens. É importante destacar que essa intimidade está sempre em diálogo com a realidade social, econômica e afetiva do sujeito: as dificuldades financeiras, os apelos midiáticos e consumistas, os problemas com o trabalho, a falta de comunicação entre as pessoas, as crises familiares e amorosas, etc. Por essa razão, é interessante perceber o modo peculiar como o autor constrói sua ficção, aproximando as ações da narrativa aos referentes da atualidade e trabalhando com a imaginação e sensibilidade de seus personagens. A partir dessas características da prosa mutarelliana, o objetivo dessa dissertação é investigar o romance A Arte de produzir efeito sem causa considerando os aspectos supracitados; e discutir como, em meio à questão do insólito, o autor consegue construir uma narrativa lançando mão do realismo performático (SCHØLLHAMMER, 2009). Para tanto, discutiremos sobre literatura brasileira contemporânea, realismo histórico e “novo realismo” (SCHØLLHAMMER, 2009), e também alguns aspectos sobre a escrita performática. Palavras-chave: Literatura brasileira contemporânea. Realismo Performático. Lourenço Mutarelli.pt_BR
dc.publisher.countryBrasilpt_BR
dc.publisher.programPrograma de Pós-Graduação em Letras e Artespt_BR
dc.relation.referencesAGAMBEN, Giorgio. O que é o contemporâneo? e outros ensaios. Trad. Vinícius Nikastro Honesko. Chapecó: Argos, 2009. ARAÚJO, Gilberto. A arte de produzir natimortos. In: Lucero Journal – Global Crisis, n. 20. University of California, 2011. p. 68-84. BAUMAN, Zygmunt. A arte da vida. Trad. Carlos Alberto Medeiros. Rio de Janeiro: Zahar, 2009. BEIGUI, Alex. Performances da escrita. In: Revista Aletria. n. 1, v. 21. Jan-abr, 2011. p. 27- 36. CALVINO, Italo. Seis propostas para o próximo milênio. Trad. Ivo Barroso. São Paulo: Companhia das Letras, 1993. CANDIDO, Antonio. O direito à literatura. In: Vários Escritos. São Paulo: Duas Cidades, 1989. CASTRO, Manuel Antonio de. A realidade e o insólito. In: GARCÍA, Flavio. (Org.). Narrativas do Insólito: passagens e paragens. Rio de Janeiro: Dialogarts, 2008. CHIAMPI, Irlemar. O Realismo Maravilhoso. São Paulo: Perspectiva, 2012. DALCASTAGNÈ, Regina. Sombras da Cidade: o espaço na narrativa brasileira contemporânea. In: Ipotesi. Juiz de Fora, v.7, n. 2, 2003, p. 33-53. FIGUEIREDO, Vera Lúcia Follain de. Novos realismos e o risco da ficção. In: Revista Comunicação, Mídia e Consumo. São Paulo, n. 16, vol. 6, Jul 2009, p. 29-43. ______. Novos realismos, novos ilusionismos. In: Novos realismos. MARGATO, Izabel; GOMES, Renato Cordeiro (orgs.). Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012. 87 FRANÇA, Júlio. O horror na ficção literária: reflexão sobre o “horrível” como uma categoria estética. In: XI Congresso Internacional da ABRALIC. 2008. USP – São Paulo. p. 1-9. GARCÍA, Flavio. O insólito na narrativa ficcional: a questão e os conceitos na teoria dos gêneros literários. In: GARCÍA, Flavio (org.). A banalização do insólito: questões de gênero literário – mecanismos de construção narrativa. Rio de Janeiro: Publicações Dialogarts, 2007, p. 12–23. ______. A manifestação do insólito ficcional, na categoria personagem, como marca do fantástico modal: uma leitura de “A gorda indiana”, do escritor moçambicano Mia Couto. In: Revista Redisco. Vitória da Conquista, v. 1, n. 2, 2012, p. 33-45. GLUSBERG, Jorge. A arte da performance. Trad. Renato Cohen. São Paulo: Editora Perspectiva, 1987. GOMES, Renato Cordeiro. Por um realismo brutal e cruel. In: Novos realismos. MARGATO, Izabel; GOMES, Renato Cordeiro (orgs.). Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012. HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Trad. Tomaz Tadeu da Silva e Guacira Lopes Louro. Rio de Janeiro: DP&A, 2004. HOUAISS, Antônio. Dicionário Houaiss da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001. JÚNIOR, Odorico Leal de Carvalho. Lírica impessoal e modernidade: T. S. Eliot e Fernando Pessoa. Dissertação (Mestrado em Estudos Literários) - Universidade Federal de Minas Gerais: Belo Horizonte, 2010. LEAL, Juliana Helena Gomes. Escrita performática latino-americana contemporânea. In: XI Congresso Internacional da ABRALIC. 2008. USP – São Paulo. p. 1-6. LIMA, Luiz Costa. Luiz Costa Lima: uma obra em questão. BASTOS, Dau (org.). Rio de Janeiro: Garamond, 2010. 88 LUYTEN, Sonia Maria Bibe. História em Quadrinhos. Um recurso de aprendizagem. Introdução. In: História em Quadrinhos: um recurso de aprendizagem. MELLO de SOUZA, M. C. (org.). Brasília: MEC, 2011. MARGATO, Izabel; GOMES, Renato Cordeiro (orgs.). Apresentação. In: Novos realismos. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012. MOURA, Aline de Almeida. Absurdo e insólito banalizado: gêneros ou categorias de gênero? In: III Painel Reflexões sobre o insólito na narrativa ficcional: o insólito na literatura e no cinema. Rio de Janeiro: UERJ, 2007. p. 35-53. MUTARELLI, Lourenço. A arte de produzir efeito sem causa. São Paulo: Companhia das Letras, 2008. ______. Jesus Kid. São Paulo: Devir, 2004. ______. Miguel e os demônios, ou nas delícias da desgraça. São Paulo: Companhia das Letras: 2009. ______. Nada me faltará. São Paulo: Companhia das Letras, 2010. ______. O cheiro do ralo. São Paulo: Devir, 2002. ______. O Natimorto, um musical silencioso. São Paulo: Companhia das Letras, 2009. MUTARELLI, Lucimar. Lourenço Mutarelli e a representação do herói. Disponível em: <http://www.eca.usp.br/nucleos/nphqeca/agaque/ano3/numero1/agaquev3n1_2.htm> Acesso em: 30 Set 2014. PAZ, Liber. Considerações sobre sociedade e tecnologia a partir da poética e linguagem dos quadrinhos de Lourenço Mutareli no período de 1988 a 2006. Dissertação (Mestrado em Tecnologia). Universidade Federal do Paraná: Curitiba, 2008. 89 REIS, Carlos. Figurações do insólito: a reversão do típico. In: II Congresso Internacional Vertentes do Insólito Ficcional. Rio de Janeiro: UERJ, 2014. Disponível em: <https://www.academia.edu/3364604/Figura%C3%A7%C3%B5es_do_ins%C3%B3lito_em_ contexto_ficcional> Acesso em: 15 Dez 2014. ______. Figurações do insólito em contexto ficcional. In: GARCÍA, Flavio; BATALHA, Maria Cristina (orgs.). Vertentes Teóricas e Ficcionais do Insólito. Rio de Janeiro: Editora Caetés, 2012, p. 54-69. RESENDE, Beatriz. Contemporâneos: expressões da literatura brasileira no século XXI. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2008. REUTER, Yves. Introdução à análise do romance. Trad. Ângela Bergamini. São Paulo: Martins Fontes, 2004. RODRIGUES, Selma Calasans. O Fantástico. São Paulo: Ática, 1988. (Princípios) ROSENFELD, Anatol. Reflexões sobre o romance moderno. In: Texto e contexto I. São Paulo: Perspectiva, 2011. p. 75-97. SANTOS, Renata Oliveira dos. Reflexões sobre o herói na literatura brasileira contemporânea: uma análise do romance O cheiro do ralo, de Lourenço Mutarelli. Dissertação (Mestrado em Literatura e Interculturalidade) - Universidade Estadual da Paraíba: Campina Grande, 2014. SCHØLLHAMMER, Karl Erik. Ficção brasileira contemporânea. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2009. ______. Do efeito ao afeto: os caminhos do realismo performático. In: MARGATO, Izabel; GOMES, Renato Cordeiro (orgs.) Novos realismos. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2012. TODOROV, Tzvetan. Introdução à literatura fantástica. Trad. Maria Clara Correa Castello. 3. ed. São Paulo: Perspectiva, 2004. 90 WOOD, James. Como funciona a ficção. Trad. Denise Bottmann. São Paulo: Cosac Naify, 2011.pt_BR
dc.subject.cnpqLínguistica, Letras e Artespt_BR
dc.publisher.initialsUEApt_BR
Appears in Collections:DISSERTAÇÃO - PPGLA Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras e Artes

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
O REALISMO PERFORMÁTICO EM A ARTE DE PRODUZIR EFEITO SEM CAUSA, DE LOURENÇO MUTARELLI.pdf1,62 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons